sábado, 30 de julho de 2016

Resumo sobre as plantas de bolbos

As plantas de bolbos constituem um pequeno milagre da natureza: enterra-se uma "cebola" e alguns meses mais tarde, vemos sair um caule vigoroso com flores sumptuosas! No entanto, é bastante delicado conseguir que volte a dar flores...



Antes de plantar...
Verifique o seu tipo de terra : os solos pesados e argilosos, que retêm muita água no Inverno não são indicados para os bolbos. Eles preferem solos que drenem bem e que sejam ricos, como o solo limoso. Todos necessitam de luz em proporções variáveis. A falta de luz impede-os de reconstituir as suas reservas depois de darem flor e vão florindo cada vez menos. De qualquer maneira, não é fácil de voltar a fazer florir as túlipas com flores dobradas e as coroas imperiais, que são muito exigentes. Prefira os bolbos mais fáceis, que se naturalizam voltando a semear-se no jardim. O muscaris e o Galanthus são extraordinários, em grandes colónias, debaixo das árvores.
Os bolbos de verão, dálias e gladíolos, são menos exigentes pois não terão de passar o inverno na terra. Também gostam do sol directo. Como não quer deixar o lugar vazio no Inverno, durante a época fria pense em substituí-los por plantas com interesse invernal, como a urze colorida ou as couves de ornamento.



Na altura de plantar
Trabalhe a terra em profundidade e se estiver um pouco compacta, misture-lhe matérias que facilitarão o escoamento da água tal como o composto fibroso. Não faça uma camada de gravilha, no solo argiloso mesmo se por vezes se recomenda que se faça tal coisa. A água vai acumular-se como se fosse uma banheira e os bolbos vão apodrecer. Enterre os bolbos na profundidade devida, isto é, três vezes a sua altura. Numa terra arenosa, plante-os um pouco mais profundo e um pouco menos profundo se a terra for pouco drenante. Coloque-os com o rebento virado para cima. Em caso de dúvida, plante-os de lado e o caule encontrará ela mesma a boa orientação. Não coloque fertilizantes nem regue depois de plantar: os bolbos desenrascam-se. Marque o sítio onde os plantou para que não se esqueça deles e os vá perturbar sem dar por isso !


Cuidar deles
As plantas de bolbos são vegetais muito fáceis. Não é necessária rega pois eles entram em hibernação quando as condições se tornam desfavoráveis. Deixe a folhagem mesmo depois de terem florido. Não deve cortar nem atar as folhas pois deixariam de ter luz e no ano seguinte não voltariam a florir.
No Outono, arranque os bolbos de verão e guarde-os na cave à temperatura entre 5-10ºC, ao abrigo do gelo e da luz. Não se esqueça de lhes colocar etiquetas para saber qual é a sua cor. Os bolbos que dão flor na primavera e que passaram o inverno na terra não necessitam de ser arrancados depois de murcharem.

Sem comentários:

Enviar um comentário